Criando a sua primeira comunidade digital


Uma comunidade online é um grupo virtual onde pessoas com objetivos em comum, se reúnem em torno de tópicos, produtos ou carreiras para compartilhar ideias, fornecer dicas ou agir como mentores. 

Ao utilizar comunidades digitais é possível fazer uma segmentação de mercado, o que é fundamental para a estratégia de marketing do seu produto: em comunidades online, os membros interagem por meio de redes sociais como Twitter, Facebook e Linkedin, fóruns, grupos de e-mail e até mesmo na seção de comentários de postagens de blogs e artigos de notícias. Vamos criar a sua? 

01. Crie conteúdo relevante e exclusivo

Antes de começar a criar uma comunidade online, você deve se perguntar: quais conteúdos exclusivos a comunidade pode ter? Defina benchmarks e veja se já existem fóruns com um foco semelhante. Encontre a vantagem que o diferencia da concorrência e seja claro. 

02. Crie um manual de boas práticas

Antes de iniciar uma comunidade online, você precisa definir um manual de boas práticas, ou seja, regras de uso. Regras e diretrizes são importantes na Internet para fornecer uma estrutura para a discussão. 

Um tom de respeito precisa fazer parte da sua comunidade tanto quanto a livre troca de opiniões. Deixe as regras visíveis para que todos os usuários possam acessá-las a qualquer momento.

03. Tenha moderadores para manter ouvir os seus alunos sempre

No início a comunidade online pode ser pequena, mas não ficará assim por muito tempo. Os moderadores de conteúdo são indispensáveis quando o número de membros aumenta. 

A sua principal tarefa é administrar o seu fórum e garantir um bom relacionamento. Além disso, os responsáveis devem ser treinados para fazer a gestão comunitária e responder de forma adequada às sugestões e críticas. 

04. Otimize sua comunidade para mecanismos de pesquisa

A otimização do mecanismo de pesquisa (SEO) certamente garante que o conteúdo da sua comunidade seja encontrado pelo Google e companhia. Metatags, uma descrição de site e palavras-chave otimizadas são partes integrantes de qualquer estratégia de SEO. Ferramentas como o Google Keyword Planner que ajudam a criar uma lista de palavras-chave relevantes. 

05.Divulgue em redes sociais 

Mesmo que a sua comunidade online não seja baseada em uma rede social, é aconselhável estar presente. Por exemplo, anuncie sua plataforma como uma página de fãs no Facebook, desenvolva novos grupos-alvo usando o mecanismo de grupos. Ou no Twitter, os tópicos mais recentes para atrair novos usuários. 

Os grupos do LinkedIn também oferecem potencial para vender.

Nossa dica: faça perguntas aos membros, responda o mais rápido possível, esteja disponível e participe ativamente das discussões. As comunidades digitais vivem da troca pessoal. 

06. Tenha um design acolhedor e autêntico

Ao configurar uma rede online, não só o conteúdo, mas também a aparência são decisivos para o sucesso. Estruturas claras e um design claro não são apenas fáceis de usar, mas também convidam você a permanecer na plataforma.

Deixe sua identidade visual fluir, por exemplo, com banners e logotipos, para aumentar o valor do reconhecimento. Você também pode colocar um link nas páginas da sua comunidade que se refere ao seu site, à loja online ou aos seus canais de mídia social. Isso dá a seus clientes ainda mais oportunidades de manter contato com sua empresa.

07. Acompanhe e nutra a sua comunidade

Comportamento do usuário, número de cliques, tempo de permanência: essas métricas e indicadores de sucesso podem ser convertidos em números concretos na análise da web. 

A análise dos dados revela como as pessoas interagem com sua marca. Como operador da comunidade, você deve definir os índices relevantes antes de começar e coletá-los regularmente. 

Dica: Use o nosso dashboard de vendas!

Quando se trata de criar uma comunidade online, a palavra mágica é: singularidade. Tudo começa com a criação de conteúdo exclusivo e legal.  Cuide da sua comunidade com carinho!

Pronto para começar?

Vamos começarPreços